Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Kaká’

A Seleção Brasileira conquistou neste domingo sua segunda vitória na Copa do Mundo 2010. Com gols de Luis Fabiano (2) e Elano, os comandados de Dunga conquistaram a classificação para as oitavas-de-final com uma rodada de antecedência, derrotando a Costa do Marfim por 3 a 1 no Soccer City, em Johanesburgo.

Jabulani no fundo do gol marfinense

A vitória brasileira serve como termômetro para medir a evolução da equipe em relação à contestada estréia frente aos norte-coreanos. Mostrando um futebol sul-americano na essência, a equipe soube aliar técnica e força, não fugindo das divididas, por mais desleal que os marfinenses tenham sido durante os 90 minutos.

Luis Fabiano marca seu primeiro gol na Copa

O atacante Luis Fabiano finalmente conseguiu tirar o peso que o incomodava de estar a seis jogos sem colocar a bola na rede dos adversários. No segundo gol, ganhou a dividida usando a mão, em seguida aplicou dois lençóis nos marcadores, para novamente dominar com o braço direito na descida da Jabulani, para chutar de canhota e fazer a alegria dos brasileiros.

O meia Kaká demonstrou maior mobilidade e visão de jogo em relação a sua estréia, e a expulsão no final da partida serve como repouso, já que estava a algum tempo fora de ação pelo seu clube, além de obrigar ao técnico Dunga experimentar novas formações no setor. Elano novamente mostrou ser importante dentro do esquema tático, aparecendo na frente para anotar seu segundo gol na Copa do Mundo. Ambos serão os desfalques na partida frente a Portugal nesta sexta-feira às 11h, no estádio Durban. Kaká por suspensão e Elano poupado devido à pancada levada no tornozelo após solada do adversário.

Após a partida, Dunga quis tirar satisfações com um jornalista da Rede Globo durante a entrevista coletiva. Dunga está ciente do grande desafio pessoal que vem travando com a imprensa em geral, especialmente no convívio com a “Vênus Platinada”. Ele evita maiores assédios junto aos atletas e está servindo de para-raio quando as críticas chegam ao grupo. Nada mais comum na vida do antes jogador e agora treinador da Seleção, sempre assumindo a posição de comandante e responsável pelos caminhos tomados.

E o capítulo final será uma bifurcação. Venerado por todos e engolido a seco pelos críticos caso traga o hexa, ou novamente crucificado pela maioria na reedição da “Era Dunga”, agora como treinador, se fracassar na terra de Mandela.

Read Full Post »